Maior campeão dos Jogos Universitários de Comunicação e Artes, o Mackenzie vai em junho para Araraquara disposto a quebrar um tabu: vencer os jogos na cidade, onde perdeu para a USP, em 2010, e para a Anhembi, em 2015.

Por: Gabriel Pellegrine e Gabriel Sabatini

A maior competição entre faculdades que disponibilizam cursos na área de comunicação e artes vem aí. Este ano, o JUCA  será realizado em Araraquara, no interior paulista, entre os dias 15 e 18 de junho. O Mack é o atual e maior campeão dos jogos, apesar disso nunca venceu a competição na cidade, o que tem motivado os atletas e a torcida a irem em busca do título, o 16º da universidade. No torneio de 2010, o vencedor foi a ECA-USP, e, no de 2015, a Anhembi Morumbi.

As tabelas com os primeiros jogos já foram divulgadas com as seguintes modalidades: basquete, handebol, futsal, futebol, natação, rugby, tênis de mesa, tênis, xadrez e voleibol. No basquete, o Mackenzie enfrentará a Universidade Metodista, que, segundo o atleta Matheus Paes, 18, tem uma boa equipe. “Estamos esperando um jogo bem equilibrado”, disse o estudante de Jornalismo. Apesar da chegada de calouros no início do ano, não haverá surpresas na equipe de basquete. “Nos treinos, o treinador disse que não usará calouros no JUCA, inclusive eles nem participam dos treinos específicos para a competição.”

Estudante de Jornalismo e atleta da equipe de volêi, Rafaela Rossi, 19, o foco na preparação e nos treinos do time é sempre o JUCA, inclusive o Intermack (competição entre as atléticas do Mackenzie) serviu de treino para os jogos.

Segundo ela, há uma grande expectativa em relação aos jogos deste ano. “A pressão existe por dois motivos, o JUCA será em Araraquara e da última vez que foi lá, acabamos perdendo o título, além de que nós somos os maiores campeões, e por isso todas as outras faculdades querem nos vencer.”

IMG-20170424-WA0012Rafaela e a equipe de volêi em um de seus treinos.

Além dos eventos esportivos, como já é tradição, os jogos contarão com uma série de shows. O lineup deste ano ainda não foi divulgado, mas espera-se grandes atrações já que, nas edições anteriores, grandes nomes da música brasileira, como CPM 22 e Gabriel, o Pensador, se apresentaram para mais de 5 mil estudantes.

Apesar de ser uma competição esportiva, os bastidores são de muita festa. Alunos de todas as universidades participam do evento, tanto para apoiar e torcer pelas equipes, como para se divertir com a galera.

“Não é necessário estar em algum time para aproveitá-los, pois a energia do local, as pessoas, o clima de rivalidade misturado com o de integração tornam a experiência única”,diz o veterano de Jornalismo Matheus Veloso, 20. “Ninguém pode se formar sem ir ao JUCA.”

Para os calouros, o evento traz grande expectativa. “Estou muito ansioso e não vejo a hora do dia 15 de junho chegar. Sempre ouvi falar do evento”, comentou Gustavo Iglezias, 17, que espera ver o Mackenzie ganhar nas diversas modalidades e se divertir bastante nos shows. Mas nem todos os interessados tem condições de participar da festa. Os preços para não-atletas são bem elevados: o ingresso custa R$ 480,00 e a festa da Liga, R$140. “Gostaria muito de ir, mas acho que está muito caro para o oferecido”, diz a aluna de Jornalismo Brenda Sarmanho, 17.

Advertisements